Coronavírus: TST reforça limpeza dos autocarros para evitar contágios

A TST garante que está a reforçar a higenização das suas viaturas com especial atenção às “superfícies com mais pontos de contacto”, de forma a fazer face ao novo coronavírus.

 

A Transportes Sul do Tejo (TST) adianta que está a proceder ao reforço da limpeza das suas viaturas, de forma a tentar minimizar o impacto do Covid-19. A medida, que faz parte do plano de contingência da empresa destinado a conter o novo coronavírus, implica um cuidado especial dedicado às “superfícies com mais pontos de contacto, como os corrimãos das portas, as pegas do interior, a parte superior dos bancos e o contorno do habitáculo do motorista”, indicou fonte da empresa em resposta ao ALMADENSE.

Sempre que exista alguma ocorrência ou suspeita a bordo, “o veículo será sujeito a desinfeção”, adiantou a mesma fonte, acrescentando que “ao fornecedor de limpeza foi ainda solicitado o reforço de utilização de  equipamentos e produtos de limpeza de largo espectro, mais eficazes e com garantias de uma higienização mais prolongada no tempo”.

Num momento em que o país se encontra em estado de alerta devido à emergência de saúde pública provocada pelo Covid-19, a transportadora (que opera em toda a península de Setúbal, assegurando as ligações entre Almada e Lisboa) criou ainda “áreas de isolamento em diversas instalações da empresa, devidamente equipadas respeitando as orientações” da Direcção-Geral de Saúde (DGS).

A par destas medidas, a TST garante estar “em permanente contacto com as autoridades competentes, Ministério e DGS, acompanhando o evoluir da situação e seguindo todas as orientações e instruções emanadas pelas mesmas”.

Para obter mais informação sobre a doença provocada pelo coronavírus, consulte o site da Direção-Geral de Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *